PALESTRANTES CONFIRMADOS 

PARA EXPEDIÇÃO AMAZÔNIA 21

IMG_3460_edited.jpg

Economista, doutor pelo Centro de Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia da Universidade Federal do Amazonas (2014 – 2018) e MBA em Gestão Estratégica e Econômica de Negócios pela Fundação Getúlio Vargas. Ao longo da carreira profissional atuou em empresas privadas, governos e instituições do sem fins lucrativos, em programas, projetos e empreendimentos voltados ao desafio do desenvolvimento econômico associado à conservação do ambiente natural na Amazônia. Tem experiência em estudos econômicos regionais, organização de cadeias de suprimento de produtos e serviços florestais, modelagem e implantação de pagamentos por serviços ambientais, desenho e gestão de projetos de P&DI, planos de negócos, planos de desenvolvimento institucional e comunicação estratégica.
 

Atualmente desempenha a função de diretor executivo na empresa de consultoria Original Trade.

DIRETOR DA ACADEMIA AMAZÔNIA ENSINA.

Economista

JOÃO TEZZA NETO, Dr.

Rita Mesquita 2_edited.jpg

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Minas Gerais (1985), mestrado em Biologia (Ecologia) pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (1989) e doutorado em Ecologia de Ecossistemas pelo Institute of Ecology - University of Georgia (1995). E pesquisadora do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia. Tem experiência na área de Ecologia, com ênfase em Manejo de Áreas Degradadas, atuando principalmente nos seguintes temas: dinâmica da vegetação secundária, fragmentação florestal rural e urbana, regeneração florestal e agrofloresta, conservação de biodiversidade e gestão ambiental. Entre 2004 e 2008 foi secretária adjunta de gestão ambiental da Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável do Estado do Amazonas. Ali coordenou trabalhos de criação e implementação de unidades de conservação, o zoneamento econômico ecológico, e a formulação de legislação sobre gestão ambiental. Entre 2008 e 2012 foi uma das coordenadoras do Jardim Botânico de Manaus e Diretora Técnica do Museu da Amazônia. Foi coordenadora do Programa de Mestrado Profissional em Gestão de Áreas Protegidas da Amazônia - MPGAP - do INPA entre 2010-2016. Atualmente tem se dedicado à divulgação científica, extensão rural e popularização da ciência, na Coordenação de Extensão do INPA.

 

PALESTRANTE DA EXPEDIÇÃO AMAZÔNIA 21.

Bióloga

RITA MESQUISTA, Dra.

d4b4d1_18227a1126a14db2a33fd445275815fb_

Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidad Nacional de Buenos Aires - Argentina, mestrado em Ecologia pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia e concluiu o doutorado em Biologia de Água Doce e Pesca Interior pelo Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia em 1999. No período de 2001 a 2004 foi Diretora de Capacitação do Centro de Ciências do Ambiente da Universidade Federal do Amazonas. Foi Diretora de pós-Graduação da Universidade Federal do Amazonas no período de 2005 a 2009. De 2012 a 2017 foi a Diretora Técnico Científica da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas - FAPEAM. Possui ampla experiência em avaliação e acompanhamento de pós-graduação, cooperação científica internacional, gestão de redes de pesquisa e inovação, financiamento público da pesquisa e da inovação, gestão pública de C,T & I, elaboração de editais públicos de C, T & I e gestão estratégica. É professora associada da Universidade Federal do Amazonas - UFAM. Na pesquisa, atua na área de Ecotoxicologia e Avaliação de Risco Ambiental e Humano em regiões tropicais, com ênfase em agrotóxicos e de Avaliação de Impactos Ambientais. Atualmente é a Diretora de Gestão de Inovação, Propriedade Intelectual e Transferência Tecnológica da UFAM.

PALESTRANTE DA EXPEDIÇÃO AMAZÔNIA 21.

Bióloga

ANDREA WAICHMAN, Dra.

Mario_edited.jpg

É ornitólogo especializado em aves amazônicas, com ênfase em biogeografia. Formou-se pelo sistema de escolas públicas primárias e secundárias da cidade de Northampton, Massachusetts. Possui graduação em Biologia com bacharelado em Artes Liberais de Dartmouth College (1983).
Trabalha na Amazônia desde 1987 e deve suas maiores oportunidades iniciais de conhecer a região ao Projeto Dinâmica Biológica de Fragmentos Florestais e à Field Guides, Inc. Atualmente é Pesquisador titular e Curador das Coleções Ornitológicas do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA).

 

PALESTRANTE DA EXPEDIÇÃO AMAZÔNIA 21.

Head of Sales

MÁRIO COHN, Dr.

Foto Gustavo Igrejas_edited.jpg

Formado em economia pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM) e pós graduado em administração de empresas pela FGV/ISAE. Gustavo começou sua carreira profissional em 1987 como estagiário da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa). Em 1997 passou a exercer o cargo de Presidente da Comissão Permanente de Licitação da autarquia. Em 1998, passou a ser Coordenador-Geral de Acompanhamento de Projetos Industriais, cargo no qual permaneceu por 14 anos. Entre 2012 e 2016 foi Superintendente Adjunto de Projetos da Suframa e durante o ano de 2015 foi Superintendente de forma interina. Em 2017, Gustavo assumiu a Secretaria Executiva de Desenvolvimento da SEPLANCTI/AM. Desde outubro de 2017, ocupa a Superintendência Adjunta Executiva da Suframa.

 

PALESTRANTE DA EXPEDIÇÃO AMAZÔNIA 21.

Economista

GUSTAVO IGREJAS, Esp.

mariano.jpg

Formado na Universidade de São Paulo (ESALQ/USP), empreendedor social e fundador do Instituto de Conservação e Desenvolvimento Sustentável da Amazônia (IDESAM) - situado na cidade de Manaus-AM. Nos últimos 15 anos dedicou sua carreira na busca por soluções inovadoras para promover a conservação de florestas, a mitigação das mudanças climáticas o desenvolvimento sustentável. Trabalhando com ideias e conceitos inovadores desde sua fundação, a instituição cresceu rapidamente e atualmente é reconhecida como uma das 10 maiores ONGs socioambientais do Brasil, contando com uma equipe de 45 colaboradores e orçamento anual de cerca de 6 milhões de reais, Nos últimos anos tem se empenhado intensamente em desenvolver o ecosistema de negócios de impacto e atrair investimentos privados para a Amazônia.

PALESTRANTE DA EXPEDIÇÃO AMAZÔNIA 21.

Engenheiro Florestal

MARIANO CEMANO

professor philip_edited.jpg

Graduado em Biologia - Colorado College, mestrado em Zoologia - University of Michigan - Ann Arbor ( e doutorado em Ciências Biológicas - University of Michigan - Ann Arbor (1978). É pesquisador titular do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia (INPA). Estuda problemas ambientais na Amazônia brasileira desde 1974, inclusive morando dois anos na rodovia Transamazônica antes de entrar nas quadras do INPA em 1978.

Realiza pesquisas ecológicas, incluindo a estimativa de capacidade de suporte de agro-ecossistemas tropicais para populações humanas e estudos sobre impactos e perspectivas de diferentes modos de desenvolvimento na Amazônia e sobre as mudanças ambientais decorrentes do desmatamento da região. Desde 1992 vem promovendo a captação do valor dos serviços ambientais da floresta amazônica como forma de desenvolvimento sustentável para as populações rurais na região. Em 2004 foi vencedor do Prêmio da Fundação Conrado Wessel na área de Ciência Aplicada ao Meio Ambiente. Em 2006 ele recebeu do Ministério do Meio Ambiente o Prêmio Chico Mendes com 1o lugar na área de Ciência e Tecnologia, e no mesmo ano foi identificado pelo Instituto de Informações Científicas (Thomson-ISI) como sendo o segundo mais citado cientista no mundo na área de aquecimento global 

PALESTRANTE DA EXPEDIÇÃO AMAZÔNIA 21.

Biólogo

PHILIP FEARNSIDE

© 2018 by ACADEMIA AMAZÔNIA ENSINA. Proudly built by Árvore Alta

E-mail amazoniaensina@originaltrade.net / +55 (92) 98211-4787

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Twitter - Círculo Branco